Não se assuste, leitor. Este será o artigo mais longo que escreverei – saiba que tudo que vier para a frente será mais curto e talvez mais divertido. Mas hoje, na abertura deste novo canal, resolvi “abusar”.

Judeus são inovadores por excelência. Um povo tão pequeno que – em teoria – nem sequer deveria ser notado entre as nações, trouxe ao mundo tantas novidades e ajudou tanto a humanidade a progredir, gerando sentimentos contraditórios, de amor e ódio. Há pouco tempo ouvi uma palestra de Leandro Karmal na qual ele disse mais ou menos o que segue: “se quiser saber quem são seus amigos, não fale de seus fracassos, de suas doenças, de suas fraquezas. Estes assuntos atraem simpatia, solidariedade e empatia. Fale de seus sucessos, de suas vitória e de seu bem estar. Isto desnuda inveja, raiva e outros sentimentos negativos. E só então você saberá quem é realmente seu amigo…”

Muito bem, o povo Judeu é, sem duvida, um povo de sucesso e inovação. Este site – www.portaljudaico.com.br , que agora se apresenta ao mundo Judaico em Português é, mais uma vez, uma inovação, uma nova forma de concentrar informação, formação, entretenimento e cultura.

Vamos a algumas inovações trazidas pelos Judeus para o benefício da Humanidade. Fomos o primeiro povo a adorar um único D’us, a respeitar o estrangeiro, a ter um dia de descanso – para nós, nossos serviçais, nossos escravos (naquela época existiam) – enfim, um dia de descanso semanal para toda a humanidade. Fomos o primeiro povo a criar um centro religioso universal – o Templo de Jerusalém era chamado de Beit Tfilá Lekol Haamim – Casa de Oração para Todos os Povos.

Fomos o primeiro povo a decretar a educação como mandatória e a instruir que onde houver crianças há que se construir escola – isto explica a  quase inexistência de Judeus analfabetos desde tempos remotos.

A invenção do Raio Laser passa por três gerações de Judeus: Einstein que formulou a teoria em 1917, Maiman que emitiu o primeiro raio laser em 1960 e Alferov que conseguiu criar em 2000 as Halteroestruturas e dar ao Laser uso desde leitura de código de barras em supermercados, a leitura de DVD, transferência de informações do espaço para a terra e até mesmo a explica a capacidade do mundo ter hoje bilhões de linhas telefônicas.

O Marca Passo e o Desfibrilador são obra de Paul Zoll, cardiologista Judeu. Paul Berg e mais tarde Stanley Cohen e Herbert Boyler, todos Judeus, inventaram e expandiram a engenharia genética que levou à cura de inúmeras doenças. O aço inoxidável, descoberto em 1900, só foi possível graças ao invento de Hans Goldschmidt que descobriu e patenteou o método de produção de metais puros. Waldemar Hafkinne descobriu a vacina contra a peste bubônica e contra a Cólera – doenças que mais mataram na história da humanidade (dezenas de milhões de mortes no Seculo XIX). A Poliomietite só foi controlada graçasd a Jonas Salk, Judeu que optou por não patentear seu invento, abrindo mão de lucros em benefício da saúde da humanidade. E vamos nos esquecer de Einstein da Física ou de Sabin da gota que salva?

Na área da Teoria Economica os Judeus aparecem com destaque. Foi David Ricardo, Judeu Inglês, quem primeiro usou o termo Capitalismo em uma obra com análise completa do que seria este sistema, desenvolvendo pensamentos de Adam Smith, Jean Baptiste Say em 1817. Por outro lado, o maior combatente do Capitalismo também era Judeu – Karl Marx, autor de O Capital em 1897.

O Google foi criado por dois Judeus – Larry Page e Sergey Brin. O Facebook, por outros dois Judeus: Mark Zuckerberg e Eduardo Saverin (este brasileiro, filho de meu amigo Roberto Saverin).

Mas Israel, onde entra? A resposta: em todas as áreas do conhecimento moderno tem alguma coisa desenvolvida aqui. O tomate cereja que você come, foi desenvolvido aqui. Ele é mais doce, não apodrece no transporte, demora 17 vezes mais para perder a rigidez.  A PillCam, uma micro câmera dentro de um comprimido que faz colonoscopia e endoscopia sem invasão, anestesia ou desconforto.

A irrigação por gotejamento que economiza bilhões de litros de água todo mês em todo mundo, foi desenvolvida por Simcha Blass da Netafim no Kibutz Hatzerim. Apenas um exemplo: com este invento, o mundo produz 172% mais azeitonas consumindo 32% menos água e 27% menos fertizantes. Numeros diferentes, mas próximos, valem para maçãs, batatas, uva, milho…

MobilEye é um sistema eletrônico veicular que soa um aviso sonoro quando o motorista inadvertidamente sai de sua faixa no trânsito, quando há pedestres frente ao veículo ou quando há risco de acidentes. GM, Volvo, BMW e Mercedes já o incluem em seus modelos top de linha.

Foi aqui que nasceram o MMX e o Centrino, que permitiram o surgimento da eletrônica móvel, laptops, celulares e tablets. Inicialmente a Intel não viu interesse e graças à persistência dos engenheiros Israelenses estes circuitos foram produzidos, transformando a Intel na potência mundial que ela é. Também foi aqui que o jovem Dov Moran inventou o Pen Drive, reduzindo tremendamente o espaço necessário para armazenamento e transporte de dados. Ele usou os conectores USB, que também foram inventados aqui.

A cirurgia de espinha dorsal ficou mais rápida, mais eficiente e mais segura graças ao Robô inventado pela Mazor. E diminuiu a necessidade de radiação pós operatória, A Elya Recycling criou uma nova tecnologia para reciclagem de plásticos para uso em sacolas, displays etc usando 83% menos energia que a produção de matéria virgem. E Israel é – de longe – o país que mais recicla garrafas PET no mundo, quase 90% das garrafas PET aqui são recicladas graças ao alto envolvimento da população com a questão ambiental.

Energia solar é outro campo onde Israel lidera – desde inventos de células foto-voltaicas, via painéis solares flutuantes até janelas de edifícios que acumulam energia solar.

O Waze foi inventado aqui e aqui é constantemente aprimorado. Agricultura vertical, hidroponia e produção de morangos uniformes (todos iguais) – tudo isto se origina aqui.

Judeus são inovadores.
Este portal vai mostrar isto a vocês.

Até a próxima!

 

http://portaljudaico.com.br/vendoo/uploads/2016/07/copo.jpghttp://portaljudaico.com.br/vendoo/uploads/2016/07/copo-150x150.jpgMarcos SusskindCRÔNICAS DO COTIDIANOCrônicas do Cotidiano,IsraelNão se assuste, leitor. Este será o artigo mais longo que escreverei – saiba que tudo que vier para a frente será mais curto e talvez mais divertido. Mas hoje, na abertura deste novo canal, resolvi “abusar”. Judeus são inovadores por excelência. Um povo tão pequeno que – em teoria...Comunidade Judaica Paulistana