Depois que as pessoas descobrem que não podem impedir ou atrapalhar a incurção da própria empresa na internet, elas se dividem em dois tipos claros de perfis: a Abelha ou a Mosca:

beeNão importa em que situação ou circunstância, a Abelha sempre irá procurar uma flor! Pode ser uma horta recém fertilizada, um quintal cimentado, um jardim mal cuidado ou mato puro… ainda assim ela não perderá seu foco e procurará por uma flor.
O dia pode estar feio, pode ser um daqueles que tudo dá errado… ainda assim, ela procurará a sua flor. O dia pode ter sido péssimo, chuvoso, não importa… ela sempre estará procurando a flor que fará do dia dela, um bom dia, completo ou pelo menos, um dia melhor!

flyJá a mosca, não importa o momento ou situação, ao chegar em um jardim, ela sempre irá buscar o que??? O cocô! Pode ser o jardim mais florido, a horta mais verde, o canteiro mais bem cuidado e perfumado… ainda assim ela não perderá o seu foco e procurará o cocô.
O dia pode estar ensolarado, lindo, tudo andando melhor do que o esperado, não importa… ela sempre estará procurando o seu cocozinho, fedidinho e de preferência, bem podrezinho também!
Pode ter mil flores e um cocô e o que ela vislumbrará? O cocô!

Quem é você na sua vida?

Longe de querer fazer papel de coaching ou a pretensão de criar um post de auto-ajuda ou até mesmo, dar sermão em alguém… este segundo post tem a intenção única e exclusiva de mostrar que mesmo depois de alertado, o ex-inteligente burro passa ou a testar todas as suas opções ou a colocar defeito em tudo, na verdade, lutando consigo mesmo, pois não perdeu completamente seus medos.

Essa analogia serve absolutamente para todo mundo, seja para a vida pessoal ou profissional, mas é claro, nosso foco aqui é a internet. Assim como o primeiro post, antes de adentrarmos definitivamente na internet, este segundo post serve para você refletir sobre o modo como tem levado sua vida e encarado a internet. Se uma aliada ou inimiga… se uma oportunidade com várias portas novas ou como um fardo.

Quantas Moscas e Abelhas você encontra no seu dia-a-dia? Quantos não deixam de olhar o copo meio cheio e não meio vazio? Quantas pessoas você conta “um algo” e a resposta é sempre: “Que bacana, mas cuidado com isso ou aquilo” ou “Iiiiiiiih, não tá me cheirando bem isso! Quantos você encontra diariamente e ao dizer que não conseguiu alcançar seu objetivo, ela lhe diz: “Não conseguiu isto, mas isso e aquilo sim conseguiu!”.

Pois é amigos… olhar o resultado de uma campanha ou ação e procurar por suas flores, não é fácil, mas é o melhor caminho. Apontar para os montes de merda é fácil, o difícil é encontrar a tal da flor. Quero crer que por isso Deus em sua sabedoria, colocou no mundo mais moscas que abelhas rsrsrsrs.
Mesmo uma campanha que não tenha produzido uma venda se quer, você ainda consegue estudar as métricas, entender seus erros, melhorar sua performance, adaptar situações e tirar proveito.

Cabe a você ficar procurando merda em tudo ou sair em busca da flor que mudará seu dia!

Eu sou uma Abelha por natureza… e você?

Abraços,

Wyllie

http://portaljudaico.com.br/vendoo/uploads/2016/06/mosca.jpghttp://portaljudaico.com.br/vendoo/uploads/2016/06/mosca-150x150.jpgWyllieINTERNETAbelha,internet,Mosca,Mosca ou Abelha,web marketingDepois que as pessoas descobrem que não podem impedir ou atrapalhar a incurção da própria empresa na internet, elas se dividem em dois tipos claros de perfis: a Abelha ou a Mosca: Não importa em que situação ou circunstância, a Abelha sempre irá procurar uma flor! Pode ser uma horta recém fertilizada, um...Comunidade Judaica Paulistana

Related Posts

Conceito II 4/4 – Engajar para obter resultado

Conceito II 4/4 – Engajar para obter resultado

Conceito II 3/4 – Carência e Vaidade

Conceito II 3/4 – Carência e Vaidade

Conceito II 2/4 – A Mola Propulsora das Redes Sociais

Conceito II 2/4 – A Mola Propulsora das Redes Sociais